segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

Desejo


Delicadamente abro-me
Sinto o gosto de teus beijos,
o leve invadir de teus dedos
Do gotejar de teu prazer
no pulsar de tua vida dentro da minha

Descobre minha carne
Toca minha pele
Suga minha alma
Alimenta-te de meu ventre
Sacia-te em mim

na ardência louca da paixão
Em ritmo compassado
o ápice de corpos em uníssono
Latentes, extasiados...ávidos
Gozantes...



Anna Carvalho


*Gozantes: palavra inexistente-neologismo





0 comentários:

Postar um comentário

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t