quinta-feira, 21 de abril de 2011

Tempestade *



Sei da tua força em Mulher,
intuição à flor da pele,
Filha dos deuses
aprendiz dos mistérios

Tuas lágrimas são chuva
que lavam a terra de Gaia,
mãe de ti e da natureza

Tens o aroma das flores,
a leveza e pureza do ar,
a beleza e o fascínio do fogo
e no peito, em momentos de vida:
tens a Tempestade e a calmaria.

Anna Carvalho

Dedicado à Jú Moreira, amiga querida que amo de coração.




0 comentários:

Postar um comentário

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t