sexta-feira, 22 de julho de 2011

Habituei-me ao silêncio





Habituei-me ao silêncio,
às tuas ausências,
nossas desculpas,
pressas e alentos

Fiquei com que resta;
lembranças,
saudades,
reticências...
...e momentos

Hoje já não há o desejo,
jaz um coração tristonho.
Embriagado pela rigidez do tempo
afogando nas mágoas profundas 
aqueles nossos momentos.

Digo: habituei-me ao silêncio,
mas de certo obriguei a alma
à calar-se  dentro do peito.
Cá restaram apenas cacos de sentimento,
alguns restos de poesia
e  muitas letras lançadas ao vento...

Anna Carvalho


9 comentários:

José Manuel Brazão disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
*Simone Poesias* disse...

Oi Anninha, poema lindo e triste... apesar da dor, não cale seus poemas!!

Bjinhoss :d

LUZ disse...

OI ANNA,

Ler o que escreves é sempre um prazer.
Esta poesia foge, um pouco, àquilo a que nos habituaste.
A poetisa tem ou pode ser actriz com vários estados de alma.
És soberba!
Por convite de outros blogs, as minhas duas últimas postagens têm sido em prosa, o que não me dá tanto prazer, tanta entrega.
Mas, como amiga e blogueira quis colaborar.
Isac como vai?
Me faz uma visitinha, pois gostava, que me desses tua avalizada opinião.

Beijos carinhosos de luz.

Anna Carvalho disse...

Oi Si querida...
Agradeço seu carinho de sempre.
Não calarei jamais, passo por momentos de silencio mas logo a poesia renasce..
Beijos com carinho,
Anna.:c

Anna Carvalho disse...

Oi Luz,
O Isac está bem sim, obrigada pela lembrança e pela visita.
Beijos.

FABIANO disse...

Cada novo amigo que ganhamos no decorrer da vida aperfeiçoa-nos e enriquece-nos, não tanto pelo que nos dá, mas pelo que nos revela de nós mesmos.


Como sempre lindo post. beijinho.

Nair Morbeck Sobrinha disse...

Amei seu espaço...ouvir Teatro Mágico é sempre Mágico..

Shalom

http://nairmorbeck.blogspot.com/

Paula Moraes disse...

Oi Anna, lindo poema, mas nosso coração de poeta não consegue ficar em silêncio durante muito tempo não, brotam idéias, palavras e de repente versos em mais um poema.
Boa semana,
Bjs

Drisph disse...

Vim lembrar-te, que ao seguir o meu blog, vc está concorrendo automaticamente a sorteio de livros dos novos autores, um trabalho de divulgação desta massa esquecida pelas grandes editoras, o sorteio será dia 10/08 de 7 livros; em setembro serão 9. Juntos podemos!!!
De uma passada por lá para conhecer os livros que serão sorteados, talvez você possa ser uma das contemplados, e desejo que o seja.
Boa sorte Aninha!
LIndo poema, como sempre faz.

Postar um comentário

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t